CEO Clínica, Centro de Excelência em Oftalmologia

CENTRAL DE ATENDIMENTO
37 3237-460037 99936-6829

Tratamentos

Cirurgia Refrativa (correção da miopia / hipermetropia / astigmatismo)

PRK x LASIK: técnicas cirúrgicas para correção de miopia/astigmatismo/hipermetropia

Refração é o estudo da passagem da luz de um meio para outro. Meios diferentes determinam comportamentos diferentes da luz. 

Quando a luz entra no olho, ela também sofre o fenômeno da refração (mudança de meios: da atmosfera para o interior do olho). O estudo da refração do olho é utilizado para verificar se aquele olho está com a focalização adequada e assim possibilitando imagens nítidas. Um olho que não consegue focalização adequada e portanto com imagens sem nitidez é portador dos chamados vícios de refração. Os vícios de refração são mais comumente conhecidos como miopia, hipermetropia e astigmatismo.

Cirurgia refrativa portanto, são os procedimentos cirúrgicos que visam a mudança da refração dos olhos e consequente correção dos vícios de refração (miopia, hipermetropia e astigmatismo).



Quem pode fazer a cirurgia?

Potencialmente qualquer pessoa que for portadora de vícios de refração (miopia, hipermetropia e astigmatismo).


O que é cirurgia Refrativa Personalizada?

Duas pessoas com o mesmo peso não têm necessariamente o mesmo biotipo ( uma pessoa mais baixa e troncuda pode ter o mesmo peso que outra pessoa mais alta e magra). Dois olhos com o mesmo vício de refração (os comumente chamados “graus” de miopia, hipermetropia ou astigmatismo), não serão necessariamente iguais quanto a outros parâmetros oculares como curvatura, comprimento etc.

A cirurgia refrativa tradicional apesar da alta tecnologia, corrige os graus sem levar em conta a individualidade dos olhos.

A cirurgia refrativa personalizada não se restringe apenas à correção dos vícios de refração, mas avalia as características individuais de cada olho (personalização) para a programação cirúrgica específica.


Como é a técnica cirúrgica?

Dependerá de cada indicação cirúrgica. Pode ser utilizado o excimer laser com suas duas modalidades, PRK ou Lasik e também implante de lentes intra-oculares.

No PRK o laser é aplicado direto na superfície da córnea e a recuperação visual é mais lenta que o Lasik. O Lasik consiste numa delaminação da córnea e aplicação do laser no seu interior. O implante de lentes intra-oculares é indicado quando a córnea não oferece condições para a cirurgia refrativa.


O que é a correção visual a laser?

O excimer laser é utilizado para correção da miopia, astigmatismo e hipermetropia. O laser esculpe e molda a córnea a fim de corrigir o grau e consequentemente melhorar a visão.


Há dor?

A cirurgia é indolor. No período pós-operatório após o PRK habitualmente há fotofobia (aversão à luz) e sensação de corpo estranho. Pode haver dor ocular no pós-operatório do PRK, o que não habitualmente ocorre no pós-operatório do LASIK. Estes sintomas são mais intensos nas primeiras 24 horas após o procedimento e melhoram gradualmente. Anti-inflamatórios orais e colírios proporcionam grande conforto, de modo que tais sintomas são muito bem tolerados pelo paciente. 


Quais são os objetivos da cirurgia?

Os objetivos da cirurgia são reduzir a dependência de óculos e lentes de contato. Com a melhora da acuidade visual sem correção, os pacientes, após a cirurgia, retornam às suas atividades habituais com menor dependência das lentes corretivas.


A cirurgia pode ser realizada em ambos os olhos simultaneamente?

Sim, a cirurgia pode ser realizada em ambos os olhos simultaneamente, ou um olho de cada vez. Isto deve ser discutido com o cirurgião. A maioria dos pacientes escolhe a cirurgia em ambos os olhos simultaneamente por conveniência.


Quanto tempo preciso me afastar do trabalho?

Recomenda-se que o paciente possa retornar ao trabalho em torno de 5 dias após a cirurgia.


Qual é a diferença entre o LASIK e o PRK?

O LASIK é um procedimento em que se cria um “flap” corneano, por meio de um instrumento chamado microcerátomo ou laser de femtosegundo. Este flap é levantado e aplica-se então o feixe de laser sobre a córnea. Após a aplicação do laser o flap é reposicionado. A visão é restaurada rapidamente e o desconforto ocular é mínimo.

O PRK é um procedimento em que o laser é aplicado diretamente sobre a córnea, sem necessidade de criação do “flap”. Após a cirurgia coloca-se uma lente de contato, que atua como um curativo. Esta lente é removida em torno de 4 dias após a cirurgia.


Qual procedimento é o melhor para mim?

Esta questão deve ser discutida caso a caso, com o cirurgião.


Quais são os possíveis efeitos indesejáveis da cirurgia?

Os efeitos indesejados mais comuns após a cirurgia são halos e fotofobia. Além disto, o trabalho em computador nos primeiros dias após a cirurgia pode ser cansativo.

Pode haver sensação de olho seco, que habitualmente melhora significativamente com o uso de lubrificantes oculares.


Haverá necessidade de óculos para leitura no futuro?

Com o passar da idade, os olhos gradativamente perdem a capacidade de focalizar os objetos de perto. Todas as pessoas vão precisar da correção visual para perto, mais cedo ou mais tarde, durante a vida.

MAIS INFORMAÇÕES?