CEO Clínica, Centro de Excelência em Oftalmologia

CENTRAL DE ATENDIMENTO
37 3237-460037 99936-6829

Doenças

Glaucoma

A pressão intra-ocular, quando apresentada em níveis elevados pode levar a lesão do nervo óptico. Esta lesão pode levar a diminuição da visão periférica e até mesmo a cegueira. 

O glaucoma afeta milhares de brasileiros, dentre os quais, mais de 50000 são cegos devido ao glaucoma. Existem vários tipos de glaucoma, dentre os quais os mais comuns são o glaucoma de ângulo aberto e o glaucoma de ângulo fechado. Outras variedades são o glaucoma congênito, glaucoma pigmentar e glaucomas secundários.

SINAIS E SINTOMAS DO GLAUCOMA

Glaucoma Crônico (glaucoma primário de ângulo aberto). Neste tipo de glaucoma freqüentemente não há nenhum sinal de que alguma doença ocular possa estar em evolução. Aproximadamente metade da população com glaucoma crônico não sabe que tem a doença. O glaucoma gradualmente reduz a visão periférica, mas quando se percebe esta diminuição da visão o dano permanente já ocorreu. Se a pressão intra-ocular mantiver alta a destruição de células nervosas pelo glaucoma pode progredir até um estágio de visão “tubular”.

Um ataque agudo de glaucoma de ângulo fechado, ou glaucoma agudo, produz sintomas de início súbito tais como dor ocular, dor de cabeça, halos ao redor de luzes, pupila dilatada, baixa de visão, náuseas e vômitos. 

O glaucoma agudo é uma emergência médica. Se a pressão não for reduzida rapidamente, pode haver dano irreversível à visão. 

Assim como o glaucoma primário de ângulo aberto, o glaucoma de pressão normal é um tipo de glaucoma crônico que pode levar a perda de campo visual por dano ao nervo óptico, mas neste tipo de glaucoma a pressão intra-ocular permanece normal.

No glaucoma congênito habitualmente o olho da criança é grande, com a córnea esbranquiçada. Este tipo de glaucoma é mais comum em meninos do que em meninas.

O QUE CAUSA O GLAUCOMA?

O aumento da pressão intra-ocular indica um problema com a quantidade de humor aquoso dentro do olho; se o olho está produzindo em quantidade excessiva ou se não está drenando adequadamente. A área de drenagem é o ângulo formado entre a córnea e a íris.

No glaucoma crônico o humor aquoso tem dificuldade em ser drenado pelo olho. Os principais fatores de risco para este tipo de glaucoma são:

  • Idade. Este tipo de glaucoma é mais comum em indivíduos com mais de 40 anos de idade.
  • Doenças sistêmicas. Diabetes e uso crônico de corticóides podem favorecer o aparecimento do glaucoma.
  • Raça. O glaucoma crônico é quatro vezes mais comum em indivíduos da raça negra.
  • História familiar. O risco de glaucoma é 6 vezes maior em pacientes que tenham algum parente de primeiro grau portador da doença.

TRATAMENTO DO GLAUCOMA

A melhor forma de prevenir a perda visual pelo glaucoma é pelo diagnóstico e tratamento precoces. 

O campo visual é um exame realizado em suspeitos de glaucoma a fim de se detectar a perda da visão periférica. Este exame pode ser repetido periodicamente a fim de se determinar a extensão da perda visual.

O tratamento do glaucoma baseia-se na diminuição da produção do humor aquoso ou aumento da drenagem deste (ou ambos). Este tratamento impede ou retarda a perda visual pelo glaucoma, mas não restaura a visão perdida pelo glaucoma.

A maioria dos casos de glaucoma pode ser controlado com um único colírio ou combinação de colírios, mas alguns pacientes podem necessitar de cirurgia. Antes de se proceder à cirurgia propriamente dita (trabeculectomia) pode-se realizar um tipo de laser (trabeculoplastia) que facilita a drenagem do humor aquoso com conseqüente diminuição da pressão intra-ocular. 

A cirurgia de glaucoma (trabeculectomia) cria uma via de drenagem artificial do humor aquoso; é utilizada em casos de glaucoma em que a pressão intra-ocular não diminui mesmo com o uso de vários colírios hipotensores.

Algumas novas técnicas cirúrgicas tem sido utilizadas para controle do glaucoma, sem as eventuais complicações da trabeculectomia, que é a cirurgia convencional, padrão. 

Galeria de Fotos

Clique nas imagens para ampliar:

MAIS INFORMAÇÕES?